Palo Santo é uma madeira muito comum na América do Sul. Os poderes de cura dessa madeira são tão numerosos que tornaram a Palo Santo parte imprescindível da cultura sul-americana. A  fumaça dessa madeira é usada em inúmeros rituais, pois é rica em energia para xamãs e santos.

Além disso, o aroma da Palo Santo é inconfundível. É uma mistura de hortelã com cítrico que a torna uma das madeiras mais cheirosas do mundo. Como concede boa sorte e bênçãos àqueles que a usam, com o passar do tempo tornou-se muito popular e querida da população.

Usos do Palo Santo e seus benefícios

Palo Santo significa madeira sagrada, e não à toa. Acredita-se que a fumaça da Palo Santo tem poderes medicinais e terapêuticos. Os povos que tradicionalmente fazem/fizeram uso dela são os indígenas dos Andes, Xamãs e Incas com os objetivos de limpeza de energia, renovação espiritual, evocar proteção e atrair fortuna e amor. Também pode ser usada no exercício de meditação e nos conecta com a Mãe Terra.

No que se refere às propriedades de cura para o corpo físico, o Palo Santo alivia sintomas de resfriados simples, dores, ansiedade, inflamação, traumas, entre muitos outros. Também é útil na limpeza de cristais e joias!

A origem da madeira Palo Santo são árvores e ramos que caem naturalmente e permanecem mortos de 5 a 10 anos antes de serem colhidos. Essa espera aumenta a qualidade do produto.

Como usar a madeira de Palo Santo em sua vida

Os usos da Palo Santo listados abaixo fornecem proteção, bênção, energias boas, e elevam o espírito.

1. Acenda sua madeira de Palo Santo.

2. Deixe-a queimar por 30 segundos e a apague suavemente com seu sopro. Se achar necessário, sopre as brasas para manter a fumaça ao longo do processo.

3. Para atrair as bençãos desejadas, ande pela sua casa carregando a Palo Santo começando pela porta da frente e caminhando no sentido horário através da casa.

4. Quando terminar de abençoar sua casa, coloque a Palo Santo em um recipiente à prova de fogo, o brilho restante desaparecerá sozinho. Você pode usar o mesmo pedaço de madeira diversas vezes, diferente dos incensos tradicionais.