Normalmente, quando se faz um mapa astrológico, os três signos principais que são analisados são o Signo Solar, esse que você conhece pela data de nascimento, o Ascendente, que tem a ver com a constelação que está no horizonte na hora do nascimento e o Signo Lunar, além dos aspectos e ângulos entre eles. Mas também existe um signo oculto, conhecido como marca astrológica ou sombra, que influencia a vida de uma maneira inconsciente. Tudo que está oculto contém uma energia armazenada, sem uso, que precisa ser liberada para causar elevação de nível e evolução em todas as áreas da vida.

Ele tem a ver com o equilíbrio com os elementos da natureza: Água, Terra, Ar e Fogo. Há 3 signos de cada elemento. Os signos de Água são: Câncer, Escorpião e Peixes. Os de Terra são: Touro, Virgem e Capricórnio. Os de Ar são: Aquário, Gêmeos e Libra. E os signos de Fogo são: Áries, Leão e Sagitário. Na hora de analisar a distribuição dos planetas, no momento do nascimento na carta do Mapa Natal,  nos signos,  se vê quantos são posicionados nos elementos. Geralmente os mapas tendem a ter mais planetas posicionados em um elemento do que nos outros. Também existem três qualidades, que são: cardeal, fixo e mutável. O Cardeal ou cardinal Áries, Libra, Câncer e Capricórnio) é a necessidade de querer realizar algo. A qualidade dos signos fixos (Touro, Leão, Escorpião e Aquário) dá a tendência da incapacidade de largar o que for necessário a fim de algo possa ser realizado. A qualidade mutável (Gêmeos, Virgem, Sagitário e Peixes) é uma combinação de cardeal e de fixo (conflito).

Analisando-se essas qualidades, juntamente com os elementos, e ver qual é a preponderância no Mapa Astral da pessoa. Cruzando essas informações se descobre o signo oculto. Ele representa o principal ponto do sistema familiar, onde estão localizadas as questões e desafios que a pessoa viverá. Há uma escolha de condições psicológicas da familia que apresenta os dramas que nos propusamos a vver, antes de encarnarmos, como oportunidade para os superar e evoluirmos. Existe uma relação íntima entre o posicionamento dos astros e a familia onde se está ingressando. Esse signo oculto mostra qual a vinculação com aquele sistema familiar maior. Muito mais do que apontar a questão a qual estamos atrelados ao sistema familiar, nele há embutida a solução.

Se houver uma preponderância do elemento Água no Mapa (mais planetas em signos de Água), tem a ver com sentimentos, receptividade, emoções e exclusão. Quando deixamos de resistir aos problemas e os enfrentamos, da essência dele sai a solução, que é uma novidade dentro do sistema familiar. Há um desejo da força vital do sistema para que esse descendente quebre a estrutura externa e consiga extrair a essência que ficou presa por tantas gerações. Para isso é necessário olhar para os problemas, romper com as coisas que necessitam ser rompidas e introduzir no sistema o que é necessário para solucionar e curar a questão. A informação encontra-se dentro do signo oculto: a questão, os recursos para solucioná-la e o ganho que terá em curá-la.

 

Tarot Online utiliza cookies para entregar uma melhor experiência durante a navegação Saiba mais »
Atendimento ao Cliente
Instagram