Mapa Astral

Mapa Astral

 Porque fazer um Mapa Astral 

Muita gente tem vontade fazer um mapa astral e, assim, entender um pouco mais sobre a própria personalidade, jeito de ser e porque lida com determinadas situações de uma forma. 

Se você também é uma dessas pessoas, saiba que esse artigo é o que procura. Aqui, você vai conhecer as melhores formas de fazer mapa astral com exatidão, os elementos que devem ser observados durante a leitura e muito mais. Vem com a gente!

 

Dúvidas sobre o seu mapa astral? Fale com os melhores consultores do Brasil, Pesquise a especialidade "Astrologia"!
 

Como fazer o mapa astral: O que é?

O mapa astral, chamado também de horóscopo, mapa astrológico ou mapa natal é, basicamente, um desenho que representa as condições do céu na hora e local do seu nascimento. 

Para quem se pergunta o que é que o mapa astral nos diz, saiba que ele faz a interpretação e a leitura da posição do sol, da lua, constelações, planetas e outros elementos estelares de um momento e lugar específicos. 

Esse mapa astrológico revela algumas das principais características de personalidade de uma pessoa, além de descobrir afinidades, prever eventos, descobrir facilidades, além de  orientar sobre diversas situações da sua vida. 

Isso é possível a partir das posições dos elementos celestes, que permitem aos astrólogos e especialistas descobrirem as possibilidades e tendências de comportamentos de um indivíduo, além das experiências de vida.

O objetivo desse instrumento esotérico é possibilitar que uma pessoa saiba como passar por diferentes situações, usando as forças favoráveis e compreendendo suas próprias fraquezas e forças.
 

Como é feito o mapa astral?

Para você entender como é feito o mapa astral, saiba que é uma espécie de cálculo de um desenho da esfera celeste.

Neste universo, o zodíaco é separado pelos 12 signos de 30 graus, correspondentes às constelações de Áries, Touro, Gêmeos, Câncer, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio, Aquário e Peixes. 

Além dos signos já conhecidos, o mapa também é feito a partir da análise dos planetas, do sol e também da lua. Dessa forma, o ascendente de uma pessoa é calculado, tendo como base o horário e local do nascimento. 

Todos estes elementos permitem uma leitura e interpretação do mapa astral de forma detalhada, mas saiba que essas revelações e previsões a partir do mapa astrológico não são tarefas tão simples assim, se você quer descobrir como fazer o seu próprio mapa astral.

Por isso, é sempre bom contar com a ajuda de profissionais especializados para garantir uma leitura precisa e real sobre os detalhes da sua personalidade, características e caminhos futuros com base no seu mapa. 
 

Vantagens de fazer  Mapa Astral?

Fazer o mapa astral agrega diversos benefícios nas mais diversas áreas da sua vida, como familiar, sentimental, emocional, além de auxiliar em questões como emprego, vícios, dinheiro, carreira, convivência social e muito mais. 

Além disso, um mapa astral também te ajuda a se autoconhecer e explorar o melhor que há em você. Entre os principais benefícios estão o bem-estar, poder terapêutico, aumentar a confiança, além de te ajudar a compreender quem realmente você é.

O mapa astral também auxilia o indivíduo a reconhecer qualidades e fraquezas, quais são seus maiores desafios, identifica as boas oportunidades, ajuda a superar os obstáculos,, etc.

 

Leia também: Combinação de Signos no Amor: Confira os Casais Perfeitos
 

O que é que o mapa astral nos diz?

Quer saber o que é que o mapa astral nos diz? Como já falamos, saiba que essa ferramenta é capaz de revelar características da sua personalidade, revelando seu jeito de ser e peculiaridades que, talvez, nem tenha se dado conta. 

Mas ele também é um instrumento norteador, podendo orientá-lo sobre diversas questões, auxiliar a compreender esses momentos desafiados, permitindo que descubra como passar por eles com muito mais facilidade e sabedoria. 
 

Dúvidas sobre o seu mapa astral? Fale com os melhores consultores do Brasil, Pesquise a especialidade "Astrologia"!
 

Como fazer o mapa astral: Elementos do seu mapa astral

Agora que você sabe como é feito o mapa astral, vamos conhecer um pouco sobre os elementos que compõem essa importante ferramenta esotérica. 

Fogo

Signos do elementos: Áries, Leão e Sagitário;

Características principais: intuição, criação imaginação,  idealização;

Personalidades mais comuns: artistas, idealistas, aventureiros e gênios criadores.

O Fogo é, basicamente, um elemento capaz de reconhecer a vontade e inspirar ação de um indivíduo, além de se destacar também pela vitalidade.

Esse elemento não agrada o mediano e tem a necessidade de mostrar ao mundo seus talentos e feitos. O fogo é animador e consegue aquecer o que está ao seu redor. Os astros deste elemento atuam conforme sua própria vontade e com muita expressividade.

Terra

Signos do elementos: Touro, Capricórnio e Virgem;

Características principais: realizações, sensação e ação toque;

Personalidades mais comuns: empreendedores e realizadores.

O Elemento Terra restringe a ação dos astros com praticidade e pragmatismo. Neste aspecto, os planetas do sistema agem com base na materialidade e na realidade, entendendo seus próprios limites e avançando devagar rumo ao seus objetivos. 

O elemento terra busca pela segurança e estabilidade.

Água

Características principais: espontaneidade das emoções e do coração; 

Signos do elementos: Câncer, Peixes e Escorpião; 

Personalidades mais comuns: pessoas místicas, sensíveis e emotivas.

O Elemento Água é o responsável pelo reconhecimento dos vínculos, trazendo o entendimento ligados pela emoção. 

A Água é um elemento que percorre um caminho profundo, porém, discreto, captando a sensação dos ambientes, sentindo e nutrindo por meio da imaginação. A terra ajuda o indivíduo a  lidar com os medos e as inseguranças.

Ar 

Características principais: poder do pensamento e da mente;

Signos do elementos: Libra, Gêmeos e Aquário;

Personalidades mais comuns: comunicadores, intelectuais e escritores.

O Elemento Ar mostra que é preciso ter equilíbrio, levar a vida com maior jogo de cintura para estabelecer trocas, onde a mente e o raciocínio são importantes nesse aspecto. 

 

Leia mais: Guias Espirituais: Quem São, Tipos e Como se Conectar!
 

Como aproveitar melhor o seu mapa astral?

Se, além de aprender como fazer mapa astral, você ainda quer saber como aproveitá-lo ao máximo, a regra é não deixá-lo na gaveta, mas usá-lo como uma espécie de guia e de diagnóstico sempre que estiver perdido sobre quem é de verdade. 

Quando estiver preocupado e sem saber como enfrentar situações, pegue seu mapa astrológico, leia com calma, dê atenção aos detalhes e siga as orientações dos astros, pois certamente, esse documento tem sempre algo novo para te revelar.
 

Como ler mapa astral?

Entre as boas práticas de como fazer o seu próprio mapa astral, a mais importante é saber ler o que o universo quer dizer. Sendo assim, o primeiro passo é saber qual é o horário, o mês e o ano que você nasceu. 

Caso não saiba exatamente a hora que nasceu, na internet, você encontra alguns sites de retificação horária, mas é preciso saber, no mínimo, o período que nasceu, cedo, tarde ou noite. 

Dificilmente, você conseguirá fazer a leitura sozinho, pois são muitos aspectos e elementos que precisam ser analisados. 

Durante a leitura, os astrólogos fazem a interpretação de aspectos pessoais, que são aqueles que exercem influência diretamente em cada indivíduo e na personalidade de cada um.

O primeiro analisado é o Sol, que traduz o caráter e o temperamento de uma pessoa, aquilo que cada um é em sua essência. 

Depois, para saber o que é que o mapa astral nos diz, é preciso analisar o Ascendente, que é basicamente, o signo que está no começo da casa 1 e que é estabelecido pelo horário de nascimento.

A análise da lua também entra em cena, pois ela representa a emoção, um sentimento de acolhimento, como as boas sensações que temos em nosso lar. 

Além disso, é preciso também avaliar as linhas azuis, vermelhas e verdes que ficam no centro do mapa. 

Os aspectos mais importantes a serem analisados são quadratura (90º), oposição (180º), sextil (60º), conjunção (oº) e trígono (120º), que são as distância entre um planeta.

Essas distâncias formam pontos de tensão ou de união que são capazes de influenciar na personalidade e no destino de cada pessoa. 

A partir daí, o astrólogo avalia a quadratura, um aspecto que causa maior tensão em um mapa, a oposição, que também causa tensão na personalidade de uma pessoa. 

Por sua vez, é preciso ainda analisar a conjunção, o Trígono, o Sextil e as casas astrológicas. Por fim, os astrólogos avaliam também os trânsitos, que são o céu de agora em comparação com o céu com o dia do seu nascimento.

Ao sobrepor essas duas informações, é possível entender como os próximos dias, meses e anos podem interferir na sua vida.
 

Conclusão: Como fazer o mapa astral

Agora que você já sabe Porque Fazer Mapa Astral, lembre-se sempre de procurar profissionais de segurança que possam garantir uma previsão verdadeira e com exatidão. 

Quer saber mais sobre seu passado, presente e futuro e sua personalidade, saiba que o nosso site da Tarot Online possui uma equipe muito completa com especialistas em diversos oráculos. 

Nossos consultores são especialistas em oráculos, como numerologia, tarot, baralho cigano, jogo de búzios, e muito mais. 
 

Dúvidas sobre o seu mapa astral? Fale com os melhores consultores do Brasil, Pesquise a especialidade "Astrologia"!

Consultores Disponíveis Agora

  • Hector

    Tarólogo e Metafísico especialista no Baralho Cigano.  Trabalha com Oráculos há muitos anos, esclarecendo dúvidas sobre assuntos como Amor, Financeiro, Profissional entre outros.  Pelos Oráculos identifica situações do passado, presente e futuro.  Busca esclarecer as dúvidas e orienta aos melhores caminhos, afim de proporcionar melhores possibilidades no futuro, sempre respeitando o livre arbítrio do consulente. 

    Ver Perfil

Tarot Online utiliza cookies para entregar uma melhor experiência durante a navegação Saiba mais »
Atendimento ao Cliente
Instagram