Como aguçar as Habilidade de Mediunidade

Mediunidade

 Principais Características de Mediunidade

 

Você sabia que qualquer pessoa consegue possuir características de mediunidade? Mas saiba que existem aquelas pessoas que já nascem com esse dom mais aflorado, manifestando-se em quem possui uma maior sensibilidade sensorial e mental. 

Que entender quais são essas características e saber se você tem esse dom? Então, vem com a gente, pois preparamos um artigo muito interessante sobre esse tema. Confira!

 

Confira os melhores consultores do Brasil e realize agora mesmo a sua consulta online!
O-que-é-mediunidade?

 

O que é mediunidade?

 

A Mediunidade é, basicamente, a capacidade humana de se comunicar com o outro planos, estabelecendo interação com encarnados e desencarnados. 

Esse dom pode se manifestar em todos os indivíduos, como mencionamos no começo deste artigo, de uma maneira mais ou menos intensa, dependendo da religião, sexo, crenças e raça.

De forma resumida, a expressão médium é usada para identificar uma pessoa que possui uma sensibilidade aguçada ou mais intensa com outros planos, tornando-se uma espécie de canal de comunicação entre o mundo físico e o extrafísico.

A mediunidade sempre foi um tema que desperta curiosidade e interesse em muitas pessoas. Afinal, o que é mediunidade e como essa capacidade humana de se comunicar com outros planos pode se manifestar em nossa vida cotidiana?

Neste artigo, vamos explorar mais a fundo esse assunto tão misterioso e fascinante, discutindo suas diferentes manifestações e importância em nossa vida.

Como já mencionamos na introdução, a mediunidade é a capacidade humana de se comunicar com outros planos, estabelecendo interação com encarnados e desencarnados. Segundo a doutrina espírita, a mediunidade é uma faculdade que todos os seres humanos possuem, embora em diferentes graus de sensibilidade e intensidade.

A mediunidade pode se manifestar de diversas formas, como a clariaudiência (ouvir vozes), claripestilência (perceber odores), vidência (ver espíritos) e psicofonia (falar em nome de entidades espirituais).

Além disso, a mediunidade também pode ser classificada em dois tipos principais: mediunidade de efeitos físicos (que se manifesta em fenômenos como levitação de objetos e materializações) e mediunidade de efeitos morais (que se manifesta em comunicações que buscam orientar e consolar).

Como a mediunidade se manifesta em diferentes indivíduos?

Como mencionamos anteriormente, a mediunidade pode se manifestar em todos os indivíduos, independentemente de sua religião, sexo, crenças e raça. No entanto, a sensibilidade e a intensidade dessa capacidade podem variar de pessoa para pessoa.

Por exemplo, algumas pessoas podem ter uma mediunidade muito intensa desde a infância, enquanto outras podem desenvolvê-la mais tarde na vida.

Além disso, a mediunidade também pode ser influenciada por fatores como a saúde mental, a alimentação e a prática de meditação e outras atividades que favorecem a conexão com o mundo espiritual.

Os médiuns são intermediários, intermediários entre as duas zonas, que servem de laço entre os homens e os Espíritos." -Allan Kardec.

Leia mais: banho de sal grosso e açúcar
 

História da mediunidade

Embora a mediunidade seja uma crença que existe há muito tempo em todo o mundo, ela ganhou força somente a partir do século XIX, quando ela começou a ser intensamente investigada de forma científica por diversos estudiosos. 

A pesquisa sobre a mediunidade trouxe importantes contribuições científicas para a humanidade. 

Além de Allan Kardec, o pai da religião espírita, podemos citar outros nomes renomados que realizaram diversos estudos sobre mediunidade, como Alexander Moreira-Almeida, Alexandre Aksakof, William McDougall, Hans Eysenck, Alfred Russel Wallace, Camille Flammarion, Carl Jung, Cesare Lombroso, Marie Curie, Charles Richet, Gabriel Delanne, Frederic Myers, Henri Bergson, Ian Stevenson, J. J. Thomson, J. B. Rhine, James H. Hyslop, entre outros.
 

Leia mais: Reiki
 

Allan-Kardec

Allan Kardec

 

A partir de 1852,  Allan Kardec que tem como nome de nascimento,Hippolyte Léon Denizard Rivali, começou experiências com o universo espiritualidade em um período em que a Europa despertava a curiosidade para os fenômenos conhecidos como “espíritas”.

Allan Kardec investigou fenômenos espirituais registrados nos Estados Unidos, Alemanha e também no Reino Unido.

Um dos espíritos, conhecido como “espírito familiar”, orientou o seu trabalho espiritual e teria revelado que já o conhecia da época dos druidas, na região da Gália, com o nome de Allan Kardec.

A partir disso, ele mudou de nome e tornou-se Allan Kardec, nome que teria origem em encarnações passadas.
 

Leia mais: Como Jogar Baralho Cigano
Quais-são-os-tipos-de-mediunidade?

 

Quais são os tipos de mediunidade?

 

Há diversos tipos de mediunidade, que podem provocar fenômenos, efeitos materiais ou físicos que sensibilizam diretamente os órgãos dos sentidos de um indivíduo.

Os tipos de mediunidade podem se apresentar sob várias formas, como:

  • transfiguração: modificação dos traços e características fisionômicos do próprio médium;

  • materialização de espíritos e objetos, 

  • efeitos intelectuais, como vidência, psicometria, intuição, audiência, desdobramento, psicografia e psicofonia;

  • tiptologia: sinais por pancadas, formando palavras e frases inteligentes;

  • levitação: erguimento de objetos ou mesmo de pessoas, contrariando a lei da gravidade;

  • entrada e saída de objetos de recintos hermeticamente fechados;

  • aparecimento do espírito do médium sob a forma materializada, em lugar diferente ao do corpo;

  • vozes dos espíritos que soam pelo ambiente, sem auxílio de aparelho fonador do médium. 

  • Escrita direta: palavras, frases, mensagens, escritas sem as mãos do médium; 

  • movimento de objetos sem contato físico, a partir de uma vontade ou sentimento, etc.
     

Leia mais: Sagrado feminino
 

Quais-são-os-principais-sinais-de-mediunidade
 

Quais são os principais sinais de mediunidade
 

Entendendo quais são os tipos de mediunidade, vamos aprender como identificar os sinais de que você pode ser um médium. Confira!
 

Leia mais: O que perguntar no jogo de búzios!
 

Medos e fobias

Normalmente, uma pessoa com o dom de mediunidade podem ficar com medo de sair sozinhos e acredita que alguma coisa ruim pode acontecer ao seu redor a qualquer momento. 

Esse sentimento surge porque essas pessoas ainda não se sentem seguros para desenvolver seus poderes psíquicos.

Sintomas físicos

Geralmente, um médium desenvolve poderes psíquicos que são apresentados de forma física, como calafrio, sensação de fraqueza, dores nas costas, ânsia de vômito frequente, tremor, cansaço e mãos formigando.

Percepção aguçada

Você tem uma percepção aguçada? Então, saiba que esse é um sinal de que uma pessoa tem o dom da mediunidade. Normalmente, essa pessoa têm presságios frequentes, seja por meio de sonhos ou até mesmo visões.

Sensação constante de pessoas ao seu redor

Por serem muito sensitivos, um médium consegue captar a presença de espíritos ao seu redor. Sabe aquela sensação que você não está sozinha em um ambiente?

Pois bem, esse pode ser um sinal de que uma pessoa possui características mediúnicas. 

 

Leia mais: constelação familiar

Conclusão:

Tem características de mediunidade? Então, busque informações sobre esse assunto e canalize essas energias mediúnicas para fazer o bem ao próximo.

Quer saber como fazer isso e receber orientações precisas? Conheça nosso site Tarot Online, a melhor plataforma do Brasil de esoterismo, com uma equipe de especialistas em vários oráculos, que está sempre pronta para te atender.

Nossa equipe de consultores possui dons de mediunidade de vidência, recebendo mensagens dos deuses e te ajudando a resolver questões pessoais, entender melhor seu passado, presente e futuro, além de estabelecer uma conexão com o divino. 

A nossa plataforma Tarot Online permite que você consiga escolher o atendente que mais combina com seu estilo e também o canal mais adequado, e-mail, ligação, chat e também pelo Videochat.

Nossos especialistas possuem experiência em diversas áreas do mundo místico, como jogo de búzios, tarot do amor, baralho cigano, bruxaria, cristais, magia cigana, mesa radiônica, cartomancia, cartas ciganas e muito mais. 

Acesse o nosso site agora mesmo e encontre as respostas que procura e os melhores conselhos e orientações dos nossos videntes.
 

Confira os melhores consultores do Brasil e realize agora mesmo a sua consulta online!

Veja Também

  • Mirella

    Descobri o dom de meus antepassados desde os meus 16 anos, minha vidência foi ficando cada vez mais aflorada e resolvi estudar tudo que podia para entender este dom que me foi dado. Me formei em reiki, me batizei na umbanda e foi quando finalmente através de um sonho, tive contato com o povo cigano

    Ver Perfil


Tarot Online utiliza cookies para entregar uma melhor experiência durante a navegação Saiba mais »
Atendimento ao Cliente
Instagram